CULTO ao VIVO : transmissão em 17.12

+55 (42) 3223-7870 Rua Ayrton Playsant 458 Centro, Ponta Grossa, Paraná, Brasil
ACESSO para LÍDERES

A GRATIDÃO

por Pr Zildemar em 07.12.2017

Escrito por Pr Zildemar   
Texto: 1Crônicas 16.34 – Colossenses 3.16,17
 
Introdução: Mais um ano se finda e é tempo de fazermos uma breve retrospectiva de tudo o que nos aconteceu, um balanço do ano e expressarmos o nosso louvor e gratidão a Deus (1Ts 5.18). A gratidão é a memória do coração. "Sentir gratidão e não expressá-la é como embrulhar um presente e não entregá-lo." Como filhos de Deus, devemos ser gratos a Ele independente das circunstâncias, certamente elas servem para o nosso próprio bem (Rm 8.28).
 
1) A GRATIDÃO É UMA CARACTERÍSTICA IMPORTANTE DA FÉ CRISTÃ
 
Ao pensar tudo o que Deus já fez por nós fica impossível não sermos gratos (Cl 2.6,7). Por mais que estejamos passando por momentos difíceis e que as circunstâncias sejam desfavoráveis, isso não apaga tudo o que Ele já fez por nós (Jo 3.16). Ele nos salvou, nos resgatou do pecado e pagou um alto preço por nossas vidas. Ele nos guarda todos os dias, sustenta a nossa vida e nos livra de todo mal. Sua graça e misericórdia nos alcançaram. Seu amor é infinito e devemos ser gratos não só pelo que Ele já fez, mas também pelo que Ele está fazendo e irá fazer em nosso meio. Impossível um cristão reconhecer tudo isso e não ser grato a Deus. Uma das características mais importantes da fé cristã é a gratidão a Deus.
 
2) A GRATIDÃO ALEGRA DO CORAÇÃO DE DEUS
 
Davi era um homem segundo o coração de Deus.  O louvor e a gratidão estavam continuamente nos seus lábios (Sl 34.1; 1Cr 29.10; Sl 103.1-5). Em todo tempo Davi foi grato e fiel ao Senhor. Agradecer a Deus por tudo é um ato de fé (Hb 11.6). A gratidão sempre traz consigo os seus benefícios, dos dez leprosos, o samaritano foi o único salvo porque que voltou para agradecer a Jesus (Lc 17.11-19).
 
3) A GRATIDÃO NOS LEVA A OFERTAR E A PRESTAR LOUVORES A DEUS

O nosso louvor revela a nossa gratidão e o nosso reconhecimento. Davi agia assim (1Cr 29.10-22). Razão pela qual ofertou liberalmente do seu cofre pessoal: 105 toneladas de ouro puro de Ufir; 245 toneladas de prata refinada, além de uma grande quantidade de bronze e ferro (1Cr 29.2-4). Vamos louvar e ofertar ao Senhor pelas conquistas que Ele nos tem dado: pela vida, pela saúde, pela paz no coração, pela vida eterna, isto não tem dinheiro que pague (Sl 116.12). “Venham todos, e louvemos a Deus, o SENHOR! Cantemos com alegria à rocha que nos salva. Vamos comparecer diante dele com ações de graças, cantando alegres hinos de louvor” (Sl 95.1-2 NTLH); “Graças te rendemos, ó Deus; graças te rendemos, e invocamos o teu nome, e declaramos as tuas maravilhas” (Sl 75.1).
 
Conclusão: É momento de olharmos para trás e agradecermos a Deus pelas bênçãos recebidas em 2017. A reclamação anula a gratidão. A gratidão aumenta o galardão. Louve, jubile, oferte e regozije-se pelo ano de 2017 e espere um 2018 repleto de bênçãos!
 
“Ó SENHOR Deus, todas as tuas criaturas te louvarão,
e te darão graças os que são fiéis a ti” (Sl 145.10-NTLH).

A GRATIDÃO